Nova era: Audi Hungria inicia produção em série de motores elétricos

Evento é um marco importante no caminho da mobilidade elétrica

Membro do Conselho para Produção da Audi, Peter Kössler: “A produção de motores elétricos é estrategicamente importante para o processo de transformação da empresa”

Achim Heinfling, Diretor da Audi Hungria: “Estamos assumindo um papel pioneiro na produção de motores elétricos”

 

Ingolstadt, 24 de julho de 2018 – Uma nova era está começando na Audi Hungria. Nesta terça-feira, foi iniciada oficialmente a produção em série de motores elétricos em Györ. No contexto do ato simbólico, a operação foi posta em funcionamento por Péter Szijjártó, Ministro do Comércio Exterior e Relações Externas, Peter Kössler, membro do Conselho Administrativo para Produção e Logística da Audi AG, e Achim Heinfling, Diretor Executivo da Audi Hungria. Os motores elétricos são produzidos em um espaço de 8.500 metros quadrados com um conceito inovador: montagem modular. A empresa investiu um montante de dezenas de milhões de euros para instalar a unidade de produção e cerca de 100 pessoas trabalham nessa nova área atualmente.

“A Audi Hungria esteve envolvida na história de crescimento da marca nos últimos 25 anos. Nossa subsidiária húngara agora entra em um campo completamente novo de especialização com a produção de motores elétricos. Esse know-how exclusivo transforma Györ em nossa principal planta de motores elétricos, incorporando nossa transformação estratégica como provedores de mobilidade sustentável”, afirmou Peter Kössler, membro do Conselho Administrativo para Produção e Logística da Audi AG, durante o ato simbólico.

Audi Hungaria starts series production of electric motors

“A Audi Hungria está assumindo um papel pioneiro na produção de motores elétricos. Estou orgulhoso dos altos níveis de especialização e motivação de nossos funcionários. Eles iniciaram com sucesso a produção desses carros com grande comprometimento” disse Achim Heinfling, Diretor Executivo da Audi Hungria. As primeiras unidades do motor provenientes da planta serão usadas no Audi e-tron, que será o primeiro modelo totalmente elétrico da marca produzido na planta de Bruxelas.

Para a montagem, a Audi Hungria instalou equipamentos inovadores e ilhas de produção em apenas um ano. Os departamentos de desenvolvimento de motores elétricos e de planejamento de produção trabalharam em conjunto com o centro de tecnologia para fabricação de protótipos em Györ, a fim de adquirir os conhecimentos necessários. A atual capacidade de produção é de aproximadamente 400 motores elétricos por dia e pode ser aumentada gradualmente. Os atuais 100 funcionários podem crescer para mais de 130 até o fim do ano. A produção é feita em um turno, mas a operação deve mudar para três turnos em breve.

O motor elétrico de Györ oferece inúmeros novos recursos. Com o estator – um dos principais componentes do motor – o objetivo é inserir o máximo possível de fios finos de cobre esmaltado no invólucro: quanto mais forte o enrolamento, mais eficiente será a distribuição de energia. Um novo centro de bobina e inserção torna possível enrolar a quantidade ideal de fio de cobre esmaltado de forma compacta e depois inseri-lo na caixa. O eixo elétrico consiste em outros componentes grandes, como os módulos eletrônicos de potência, que estão localizados em seu próprio compartimento, a engrenagem e dois eixos que transmitem a potência às rodas. Os funcionários produzem dois eixos elétricos para cada Audi e-tron.

Os equipamentos de produção, os robôs e a estação de aparafusamento e medição estão dispostos em posições fixas, mas não estão interligados por uma faixa linear. Em vez disso, os funcionários produzem os sistemas de condução de acordo com um método modular em ilhas. Apesar de uma sequência de montagem pré-definida, o sistema modular permite caminhos ramificados e mais liberdade no processo de produção. Veículos autônomos, controlados por um sistema inteligente de TI, transportam as peças para as estações de trabalho.

A188588_large-768x568

Paralelamente à unidade de produção, a Audi Hungria instalou três bancadas de testes para motores elétricos no departamento de desenvolvimento de motores para operações de carga contínua. Os funcionários passaram por mais treinamentos para se tornarem especialistas em eletricidade no centro de tecnologia para motores elétricos.

A Audi Hungria produziu 1.965.165 motores no ano passado, tornando a empresa uma das maiores fabricantes de motores do mundo. Na planta de Györ, seis diferentes motores a gasolina e três a diesel foram produzidos em 2017, com potências variando de 86 cv a 639 cv. Aproximadamente 6 mil funcionários fabricam cerca de 9 mil motores por dia para as 32 unidades de produção do Grupo Volkswagen.

Sobre Josué Júnior (130 artigos)
Josué Júnior, carioca, fotógrafo profissional pós- graduado pela faculdade Cândido Mendes. Há mais de dez anos no mercado fotográfico com ênfase em moda e publicidade. Atualmente fotografa para o site Versão Masculina, especializado em comércio de produtos masculinos. Em sua empresa Arte foto Designer, desenvolve seu trabalho autoral, que pode ser apreciado na sua pagina : www.facebook.com/fotosjosuejunior?ref=bookmarks ,ou em seu Instagran .https://www.instagram.com/josuelbjr/

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: