Primeira semana da CPI do Covid19

pelo visto Bolsonaro já começa a perder seus apoiadores fervorosos e a cloroquina já começa a ser vista definitivamente como um medicamento inadequado.

A primeira semana da CPI do Covid 19 começou com várias polêmicas. Uma delas, do Senador Humberto Costa do PT, ex-Ministro da Saúde durante o governo Lula, em 2006. Humberto Costa foi investigado na CPI do Sanguessuga, mas na ocasião nada foi comprovado sobre sua participação no esquema. Durante a CPI da Covid, ele levantou a tese de que o Governo teria a intenção de usar a imunidade de rebanho como ação para combater a pandemia, dessa forma o Lockdown não seria a melhor estratégia a ser usada, nem o uso das máscaras, muito menos o álcool em gel e todas as outras medidas restritivas, indicadas pela OMS. Conforme declaração de Humberto Costa no vídeo abaixo.

Vídeo do Senador Humberto Costa: Vídeo Senador Humberto Costa

Humberto Costa cita um personagem que foi deixado de lado à medida que a pandemia avançava, o personagem é o parlamentar Osmar Terra. No início da pandemia, Osmar era o conselheiro do Presidente, vivia dando declaração de que a pandemia iria acabar em junho de 2020. Vejamos!

Twitter do Osmar Terra:

“A curva de contágio da Covid-19 já passou pelo pico e está caindo durante o mês de maio, como prevíamos. Todas as cidades mais afetadas registram quedas de internação diária. A trajetória do vírus ignorou a quarentena, não achatou curva alguma. Epidemia termina em junho”

Caso este senhor estivesse certo, não estaríamos hoje com mais de 410 mil mortos por covid.

Mandetta mais uma vez cumpriu seu papel dentro do cenário apresentado pela CPI, falou o que o Brasil precisava ouvir. Foi claro e objetivo em todos os sentidos, deixando a CPI com a seguinte informação: a cloroquina não deveria entrar no protocolo de atendimento aos pacientes com covid19. Sua relação com o presidente não era boa, existiam divergências que geraram um abismo entre eles, impulsionando sua saída. Também deixou uma pista de como o presidente conduzia a pandemia, ao falar de um grupo que o aconselhava sem dar nomes. Apontou o que todos já sabiam em Brasília, que existe um gabinete ideológico. Esse foi um detalhe citado em seu depoimento, sem deixar claro do que realmente se tratava. 

Nelson Teich, o segundo ex-ministro a ser convocado, seguiu a mesma linha de Mandetta e teve um depoimento firme e contundente. Foi também taxativo em dizer que não é a favor do uso da cloroquina e que tinha problemas de comunicação com o presidente. Os depoimentos seguiram de forma satisfatória até a chegada do ex-Ministro Pazuello, que ao comunicar seu contato com o vírus da Covid 19, teve seu depoimento atrasado. Desde então, sugere ser dispensado de depor na CPI, mas sem sucesso. O Senador Randolfe Rodrigues fez essa declaração em entrevista coletiva:

Vídeo do Senador Randolfe Rodrigues: Vídeo Tv Senado

Seguindo a semana, veio o novo Ministro Marcelo Queiroga. Muito educado, sem falar o que realmente pensa sobre os opositores do governo e falando à vontade com os governistas. Queiroga encerra a semana com polêmicas, onde o hospital da sua família foi reativado com recursos públicos e colocado à venda.  O ministro se esquivava sempre das perguntas, sem dar respostas objetivas ao relator, por isso, ouviu do presidente da CPI, Omar Aziz, que até sua filha de doze anos responderia sim ou não, ao Senador Renan Calheiros.

Vídeo do Senador Omar Aziz: Vídeo Eixo Politico

Nessa mesma sessão, Renan Calheiros respondeu a uma provocação feita pelo presidente Jair Bolsonaro, em uma Live durante o horário da CPI.

Vídeo do Renan Calheiros: Vídeo Tv Senado

Além dessa provocação, uma fala do Presidente pode comprometer nossa relação já abalada, com a China.

Fala de Bolsonaro:

“É um vírus novo, ninguém sabe se nasceu em laboratório ou nasceu por algum ser humano ingerir um animal inadequado. Mas está aí. Os militares sabem o que é guerra química, bacteriológica e radiológica. Será que estamos enfrentando uma nova guerra? Qual país que mais cresceu seu PIB? Não vou dizer para vocês”.

Parece que o Presidente faz de tudo para ficar em evidência, mas da forma mais negativa possível. O ideal seria seu silêncio para não atrapalhar o que já está ruim.

A semana que entra promete, pois ainda temos um longo caminho para que a CPI possa ser encerrada. Alguns defensores da cloroquina já estão apagando seus vídeos no Youtube, um deles é o Jornalista Alexandre Garcia.

Pelo visto Bolsonaro já começa a perder seus apoiadores fervorosos e a cloroquina já começa a ser vista definitivamente como um medicamento inadequado.

Vamos acompanhando a CPI e aguardar os novos fatos que estão por vir!

Sobre Josué Júnior (531 artigos)
Josué Júnior, carioca, pós- graduado pela faculdade Cândido Mendes. Atua no mercado com sua empresa Arte Foto Designer, é proprietário do site de conteúdo Linkezine , @linkezine . Dentro do site abaixo é possivel ver um pouco da atuação da Arte Foto Designer no mercado : https://www.omnistore.net.br/

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: