Dicas da Chef: Restaurante Madero RJ

Foto : Divulgação

Dicas da Chef: Restaurante Madero RJ

 

Primeiramente gostaria de dizer que estou muito feliz por estar fazendo parte da equipe Versão Masculina, mesmo sendo uma “menina” acredito que hoje em dia esse paradigma “de homem” ou “de mulher” está cada vez mais em baixa, principalmente na cozinha, meu universo. Essa história de lugar de mulher é na cozinha, não é bem assim que funcionavam as coisas na França do século passado, ser cozinheiro era uma profissão para homens, e dos fortes, que aguentavam o calor, o peso das panelas, e principalmente uma profissão passada de pai pra filho, mulheres aprendiam a bordar, e comida, só as de casa, pra alimentar a família, nada de “cozinhar pra fora”.

Ainda bem que os tempos mudaram, e hoje eu posso estar aqui, num blog “masculino” escrevendo sobre uma profissão “masculina”, sem é claro perder minha “versão feminina”. Mas chega de meninos e meninas, a comida é universal, para todos, alimenta não só o físico, mas a alma, e comida boa é comigo mesmo, por isso vou começar meus trabalhos por aqui falando de um Chef paranaense que é responsável pelo “Melhor cheeseburguer do mundo”, estou falando de Júnior Durski, e seu império chamado Madero.

Visitei o restaurante por época de uma ocasião especial, um aniversário de casamento, achando que seria um restaurante muito caro, mas logo me surpreendi com os preços, bem acessíveis se comparados a outros desta mesma linha.

Pedimos uma entradinha, umas coxinhas, é coxinha mesmo, aquelas fritas, de festa, mas que não tinham um pingo de gordura, bem sequinhas, temperadas, uma delicia, a porção com 5 unidades pagamos R$16,00. Valeu a pena, pois estavam mesmo uma delicia. Para o prato principal pedimos (é claro) “the best burguer in the word”, e ele é realmente fantástico, nunca comi nada parecido, tudo que você tem de memórias de hambúrguer na sua vida, esqueça, este vai te surpreender. Mérito total do nosso Chef, que além de uma comida boa e num preço bom, utiliza de ingredientes frescos e naturais em seu restaurante. Ponto pro chef!

 

13250305_10208062033220041_2101214297_n

Foto: Divulgação

O cheeseburguer custou R$ 35,00 e é acompanhado de batata frita. Pedimos também um bife de chorizo, que estava simplesmente dos Deuses!!! Acompanhado da farofa da casa e molho chimichurri, foram os melhores 350gr de carne que comi nos últimos tempos. Esta delicia custou R$59,00 e ainda teve uma saladinha de acompanhamento. Pra fechar a noite de comemorações pedimos o famoso Petit Gâteau de doce de leite, que também estava fantástico, o preço nem tanto, R$26,00, mas a sobremesa uma delicia.

O Madero ainda conta com um cardápio fit, pra aqueles preocupados com a saúde e alimentação, este cardápio propõe versões do hambúrguer com menos sódio e gordura e pão integral, saladas e grelhados diversos, uma ótima pedida pra galera que não quer sair do foco.

Esta foi minha dica de hoje, espero que gostem! Até a próxima e bom apetite!

 

Anúncios
Sobre Áila Neder (17 artigos)
Áila Neder, formada em letras pela Universidade Federal do Rio de Janeiro (UFRJ), comissária de bordo, depois de sofrer muito por conta do que realmente queria fazer da vida, se encontrou nas panelas e na beira do fogão. Desde pequena ajudava sua avó nos preparos de bolos e doces para as festas da família, em 2013 resolveu enfrentar os preconceitos ainda existentes na profissão e abraçar de vez sua verdadeira vocação. Entrou para o curso de gastronomia no IBMR Laureate, estagiou em vários restaurantes franceses e hotéis internacionais, hoje formada faz pós-graduação em patisserie pela UNISUAM.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

w

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: