Brumadinho

                                                 

 

Outra tragédia no estado de Minas Gerais, e lá ainda existem por volta de umas 50 barragens sem garantia de estabilidade, ou seja, estas poderão romper a qualquer momento. É critico um Estado viver dessa forma, onde a qualquer momento poderá acontecer mais uma tragédia, uma região amanhecer sob sirenes. E não foi o que ocorreu nessa manhã de domingo,27 de janeiro? Tanto o Estado quanto o Governo Federal estão unidos realizando uma força tarefa. O Presidente fez seu papel de sobrevoar a região de forma protocolar, no dia 26, sábado pela manhã, porque precisa tomar conhecimento da extensão do problema, para ver quais as providências legais e humanas a serem tomadas. Espero que o sobrevoo tenha aberto sua cabeça com relação ao Meio Ambiente. Se ele pensava que essa pasta não tinha importância, agora ele deve fazer sua cirurgia com a cabeça também na tragédia que pode ter matado mais de 300 pessoas. Ainda bem que está ocorrendo no início de seu mandato, e modificações estruturais e funcionais ainda podem ser viáveis, para se evitar tragédias e descasos futuros como esses.

É certo que já estamos vendo uma maior mobilização do governo para resolver, o mais rápido possível, e até uma parceria inédita com Israel para, procurar desaparecidos , corpos de pessoas e animais, algo que não tinha sido feito em outros governos. Vendo o presidente da Vale afirmar que essa tragédia será maior em relação ao números de mortos, e não ao meio ambiente, minha perplexidade só aumenta.

Muitos especialistas falam quase a mesma frase: As barragens não estão seguras! Então, qual será o motivo dessas barragens continuarem ativas pelos Governos federais e estaduais! Esse mesmo governo que aplica multas milionárias e não fiscaliza. Agora começamos um novo governo com uma tragédia em seu currículo, para ser resolvido. E penso aqui comigo, vamos então fazer diferente, enquanto população, vamos cobrar mudanças, reparações e principalmente o que faltou nos outros governos: fiscalização! Espero que essa tragédia seja a última que o Brasil passa em termos de meio ambiente. E espero que as autoridades tenham aprendido de forma dura, mas aprendido que não se pode virar as costas para o Meio Ambiente, muito menos para as famílias que vivem nesses locais de risco. E isso não é responsabilidade dessas famílias, a ganância e descaso fazem parte dos governos anteriores!

Força Brumadinho !

 

 

Sobre Josué Júnior (184 artigos)
Josué Júnior, carioca, fotógrafo profissional pós- graduado pela faculdade Cândido Mendes. Há mais de dez anos no mercado fotográfico com ênfase em moda e publicidade. Atualmente fotografa para o site Versão Masculina, especializado em comércio de produtos masculinos. Em sua empresa Arte foto Designer, desenvolve seu trabalho autoral, que pode ser apreciado na sua pagina : www.facebook.com/fotosjosuejunior?ref=bookmarks ,ou em seu Instagran .https://www.instagram.com/josuelbjr/

2 comentários em Brumadinho

  1. Péricles G. Albuquerque // 27/01/2019 às 4:55 pm // Responder

    Boa tarde, meu irmão! No governo anterior, praticamente ficou o dito pelo não dito, na tragédia de Mariana. Ao que me está parecendo, dessa vez, a banda vai tocar diferente. Pelo menos, é a minha expectativa. Vamos aguardar. No momento, a Vale está com um substancial bloqueio de seus bens. Parabéns pelo seu artigo. Espero que não se importe se eu compartilhalo com meus amigos. Um abração!

    Curtido por 1 pessoa

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: